quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

O Livro das Conservas

O que gosto do tema conservas de alimentos em geral é que dentro dele tem uma grande memória gastronômica. Ou seja, a memória de guerra ou um passado longínquo sem geladeira.

Toda história da gastronomia esta ligada a dois fatos: erros que viraram grande receitas como por exemplo Tarte Tartin (uma torta feita com o recheio comumente feito de maçãs embaixo da forma e a massa acima) ou conservação de alimentos, dai surgiram: leite condensado, chucrute, sushi.

appertSabe-se que no início do século 19, o confeiteiro Nicolas Appert,  criou um sistema em que se você colocasse em garrafas de vidro grossas, depois de ferver o alimento num líquido lacrando com cera e rolha prolongaria o processo. Em 1802 esta descoberta torna-se escala industrial, em Massy é aberta a primeira fábrica de conservas com 50 funcionários.

A Publifolha lançou o livro mais completo que já vi até então. Um  livro completo para quem quer conservar seus alimentos. Dividido em:

  • Conservação Natural
  • Secagem
  • Conservas Doces
  • Conservas Salgadas
  • Delícias em vidros
  • Conservas em azeite
  • Técnicas para preparar embutidos
  • Defumados
  • O preparo do vinho e da cerveja.

Na minha opinião nenhum livro tem como é feito embutido, coisa que tem muita procura dos meus clientes homens e vinho e cerveja. E por ser da Publifolha trás o passo a passo e uma explicação bem sucinta.

Aqui vai uma receitinha que testei e aprovei.

Conserva Simples de Alho

Rendimento: cerca de 225 G (1 Pote Pequeno)

Preparo: 1 h a 1h15

Conservação: 3 a 4 semanas na geladeira

Ingredientes:

· 2 cabeças grandes de alho fresco com os dentes separadosalho3

· 90 – 150 ml de azeite extravirgem, mas um pouco se necessário

· 1 ramo de tomilho

· 1 folha de louro

· Uma pitada grande de sal marinho

· 2 colheres (sopa) de vinagre balsâmico

Modo de Preparo:

1. Disponha os dentes de alho com casca bem juntinhos, em uma travessa refratária pequena, cubra com azeite, junte o tomilho e o louro e salpique com sal.

2. Asse no forno a 150º C por 45 – 60 minutos, até o alho ficar macio (isso vai depender do tamanho dos dentes).

3. Para guardar, deixe esfriar, coloque o alho assado num pote esterilizado e adicione o vinagre, mexendo para garantir que todo alho fique bem coberto. Encha o pote com o azeite com o qual ele foi cozido, completando com mais um pouco, se necessário. Guarde na geladeira, com os dentes de alho imersos no azeite, e use em 1 mês.

capa preserving_03.inddTítulo: O Livro das Conservas

Autor: Lynda Brown

Editora: Publifolha

ISBN: 978-85-7914-305-2

ISBN-13: 978-85-7914-305-2

Um comentário:

Doze disse...

NOSSA eu quero =D